Começámos em Maio 2009, recebemos 358 comentários aos 687 posts

Obrigada a todos os que de múltiplas formas contribuem para o esqueciaana Escrevam: esqueciaana@gmail.com




os 10 posts mais lidos (esta semana) seguidos dos posts mais recentes (26 Outubro 2016):

Jan 2, 2010

>> Recuperar (testemunho de Confesiones de Ana)


No blogue confesiones de Ana pode ser lido (em espanhol) o testemunho de uma jovem que luta e vence a anorexia nervosa. Seguem alguns extractos desse testemunho.
[...]
"Estou demasiado ocupada a viver a vida.
Acho que pela primeira vez em muitos anos estou a começar a fazer algo que deveria ter feito há muito tempo; viver.
Perdi muitos anos da minha vida concentrada apenas na minha doença [anorexia nervosa], na minha obsessão, e agora começo a aperceber-me do que perdi. Começo agora a desfrutar de algumas coisas que nunca fui capaz de aproveitar. E vale a pena.
Não é fácil, claro que não é.
[...]
Não posso dizer "Eu já não sou anoréctica", mas acho que eu não posso dizer "eu sou anoréctica”. Simplesmente luto contra a anorexia. Não é fácil. Há sempre coisas. Pequenas coisas, detalhes, sentimentos ... que te fazem retomar o medo, que te recordam como era a tua vida antes.
[...]
Há poucos dias alguém me perguntou qual o meu objectivo para o ano novo. É simplesmente viver e aproveitar cada momento e fazer cada momento valer a pena.
O meu desejo para 2010 é que todos os que me lêem regularmente aprendam também que viver vale a pena e que há coisas pelas quais vale a pena viver. "

2 comments:

foreveryoung said...

Obrigada. Foi um back..sabes quando vez a luzinha ao fundo do tunel passado tanto tempo e, de repente, uns numeros numa balança apagam-na? Foi horrivel a sensação. Fiqei gelada, a tremer, com medo, apática..nem consegui chorar. Apeteceu-me desistir de tudo..perdi o apetite, perdi os sentidos..mas contrariei-me e almoçei e jantei. Aliás, jantei e jantei bem. Estou triste e desiludida..sinto-me traída por mim própria..é a tal história de "nos enaganarmos a nós proprios". Fiqei mesmo..enfim..já deves ter percebido. Tenho um medo tão grande de desiludir os meus pais, todos os dias me têm dado os parabéns por andar a esforçar-me tanto, por andar a comer bem..todos os dias me dizem "a Dr. Linda vai ficar contente porqe estás de parabens" e depois chego ali e vejo aqilo..ia tão confiante..tinha a certeza q tinha engordado, alias, achava qe tinha..a auto distorção da imagem, q pelos vistos não existe em todos os casos, no meu é sem duvida o sintoma principal. Eu vejo-me mal, vejo mal os outros, eu odeio isto..e ainda menos gosto de mim por ser tão frágil e parva e deixar-me ir tão abaixo..já estou a chorar..desculpa.

ex ana said...

Faz o favor de reservar os adjectivos negativos para quem (ou o que) os realmente meresse. Não se aplicam a ti!
Sabes que tens que fazer um esforço continuado, os resultados vão sempre aparecer.
Não te deixes tomar pela tristeza. Os números não deram o que esperavas. E agora? Não é verdade que te esforças-te e vais continuar a esforçar-te? Então não desiludiste ninguém.Certo?
Apenas os factos contrariaram as tuas expectativas, mas tu sabes como mudar os factos. Todos gostamos de ter os resultados ali, já imediatamente, como os queremos. Mas geralmente não é isso que acontece. Não existem milagres imediatos, temos que esperar, aguardar, ter paciência...aprender a lidar com a ansiedade. (na minha opinião e para outras pessoas essa é uma questão chave: lidar com a ansiedade).