Começámos em Maio 2009, recebemos 358 comentários aos 687 posts

Obrigada a todos os que de múltiplas formas contribuem para o esqueciaana Escrevam: esqueciaana@gmail.com




os 10 posts mais lidos (esta semana) seguidos dos posts mais recentes (26 Outubro 2016):

Mar 5, 2010

>> Anorexia em "Toda a Verdade" SIC (II)

Tinhamos anunciado um programa na SIC (Toda a Verdade) sobre anorexia. Vimos o programa, um documentário de cerca de uma hora composto principalmente por depoimentos de raparigas (holandesas?) em recuperação em clínicas. Alguma informação sobre as terapias usadas (por exemplo trabalho artístico; terapias não verbais) . Faltou ao programa ser mais informativo (sobre a doença) e uma maior intervenção de especialistas. O que me ficou do que vi e ouvi? É estranho mas foi a 'tristeza no olhar' esse parecia ser o que ligava todas as jovens entrevistadas.
Frases soltas: "Nos sites [pró-ana promorte] pelo menos temos amigos [?] pessoas que sentem o mesmo que nós [tenho dúvidas]" . "Sentimos que ao mesnos somos boas em alguma coisa""estou sempre a pensar noutra coisa como se não esteja ali""tenho medo de saber o que serei sem a doença""tinha só oito anos e os médicos disseram que a nossa filha não podia ter anorexia""a clínica não aceita menores de 16 anos" " há uma lista de espera""sempre quis controlar tudo, agora é isto que me controla a mim""4 básicos: zanga, medo, felicidade e trizteza".
Alguém viu o programa e gostará de comentar, interrogar etc?
Imagem: flickr cc (aqui)

4 comments:

Exahmia said...

Não vi, mas vou tentar ver online, mas nem sei se deva. Algo de muito errado se está a passar comigo mas acho que não tem nada a ver com anorexia. Não sei.
Bom, quando vir volto aqui.

ex ana said...

Seja o que for que o 'errado' fique resolvido rápido. Agradeço o comentário.Julgo que não está on line. Aliás obter mais informação junto da programação da SIC antes da emissão do filme foi impossível.

Anonymous said...

às vezes pergunto-me se deveria tentar outro caminho...
Depois pergunto-me como? onde?
Será que os tratamentos que existem em portugal resultam para toda a
gente e que quando não resutao a culpa é de quem está a ser tratado?
tive algumas melhoras, mas estou longe, muito longe ainda do minimo
necessário para me considerar "bem". E sao .n. anos com a mesma equipa,
a mesma forma de tratamento...
A única certeza que tenho é que quero sair "daqui". Como?
Será que deveria procurar outro método? onde?
Sei que a responsabilidade máxima nisto tudo é minha...mas será que os
médicos também não deveriam questionar-se quando não está a resultar?
Nao quero que pareça que estou a por a culpa na equipa (que adoro!!!)
mas sei que o prolongar da doença atrasa a possibilidade de uma
completa independecia da mesma...
E acima de tudo, tenho medo de ser "assim" para sempre...

Cate said...

para quem quiser ver:
http://www.factualtv.com/documentary/facing-anorexia
com legendas em inglês