Começámos em Maio 2009, recebemos 358 comentários aos 687 posts

Obrigada a todos os que de múltiplas formas contribuem para o esqueciaana Escrevam: esqueciaana@gmail.com




os 10 posts mais lidos (esta semana) seguidos dos posts mais recentes (26 Outubro 2016):

May 14, 2009

frágil - forte

O meu corpo (frágil, diziam) deixou-se aprisionar
Mas eu repetia de mim para mim: “Sou forte!”
Triste forma (vi muito depois; mostraram-me?) de usar as energias.




Negar, negar, negar. Negar como fuga. Para quê ? De quê? (ainda ando a descobrir)




O mundo estava lá fora e eu tinha sido alegre por dentro e por fora.
Perdi então o prazer de rir por dentro. Uma angústia vinda não sei de onde apagou-o.
Nunca deixei de rir por fora...pois que seria da ana sem a 'máscara'?



Depois... ao abandonar o fingimento senti-me levezinha (e exactamente quando os quilos iam aumentando eu estava cada vez mais leve!).
esqueci a ana


Imogen Cunningham - Hands and Aloe Plicatilis, 1960;

No comments: